Collor ministra aula magna para acadêmicos do Instituto Rio Branco

26 dezembro 2018
Comentários: 0
Categoria: Notícias
26 dezembro 2018, Comentários: 0

201812132005_7f3d833c73

O presidente da Comissão de Relações Exteriores e Defesa Nacional (CRE), senador Fernando Collor de Mello (PTC/AL), ministrou, nesta quinta-feira (13), uma aula magna de encerramento do ano letivo do Instituto Rio Branco, a academia diplomática brasileira.

À oportunidade, o parlamentar fez uma avaliação do cenário internacional, apontando que a globalização é uma grande onda de oportunidades, mas, para isso, é preciso estar preparado para as possibilidades que surgem neste processo.

“Não podemos ser ingênuos e acreditar que as grandes potências estão dispostas a abrir mão do seu espaço. Precisamos vislumbrar as oportunidades que estão diante de nós e nos prepararmos para elas. E a globalização é uma grande onda de oportunidades, se estivermos preparados. Isso requer estabilidade política e segurança jurídica, o que exige nossa permanente atenção”, expôs Collor.

Durante a aula, Collor citou uma reflexão do embaixador Gelson Fonseca, que, segundo o parlamentar, resume, de forma brilhante, como deve ser a política externa de Estado: “Em diplomacia, a continuidade é um trunfo, serve à credibilidade, pois o jogo diplomático é tecido por compromissos em que os lados supõem que serão cumpridos e a tradição de cumprimento trabalha a favor do Estado que a ostenta”.

Ao final, o senador agradeceu o convite e revelou ter sido uma alegria e uma satisfação falar para uma jovem geração de formandos, ressaltando que eles estão preparados para assumir nobres funções e destinados a obter a permanente confiança da Nação.

“Para tanto, devem perseverar com a tradição de nossa política externa, tendo sempre em mente a soberania do País. Vocês são defensores da nossa Pátria. Assim como as Forças Armadas se utilizam do poder de dissuasão pelos meios militares, cabe à Diplomacia – que agora vocês abraçam de vez – o uso do mesmo poder dissuasório por meio da capacidade de convencimento, pelo permanente diálogo e pelo paciente processo de negociação e entendimento”, frisou o senador.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>