Collor apresenta e plenário do Senado aprova Comenda Zilda Arns

31 outubro 2017
Comentários: 0
Categoria: Notícias
31 outubro 2017, Comentários: 0

201704102222_80d044aa6e

O Plenário aprovou na última quinta-feira (26) o projeto de resolução do Senado (PRS 30/2015), de autoria do senador Fernando Collor de Mello (PTC-AL), que institui a Comenda Zilda Arns. O prêmio é destinado a agraciar pessoas ou instituições que desenvolvam ações para a proteção da criança e do adolescente. A proposta vai à promulgação pelo presidente do Senado.

A Comenda Zilda Arns será conferida anualmente a cinco pessoas físicas ou jurídicas, em sessão especial do Senado especialmente convocada para esse fim. Collor propôs que a indicação dos candidatos à comenda seja feita pelos senadores e acompanhada das explicações contendo os méritos do indicado.

“A trajetória de Zilda é elogiada internacionalmente e orgulha o nosso País. Trago comigo uma identidade profunda com a causa abraçada por Zila Arns. Como presidente da República, tive o orgulho de sancionar a lei que instituiu o Estatuto da Criança e do Adolescente, e de implantar no País os Centros Integrados de Apoio à Criança, os Ciacs. À época, lembro-me que ela celebrou as iniciativas realizadas pela Presidência da República”, frisou Collor.

Na justificativa do projeto, o senador cita que, no Brasil, como expoente das lutas em defesa dos jovens e das crianças, destacou-se a personalidade de Zilda Arns Neumann. Ela morreu em 2010, vítima do terremoto que assolou a capital do Haiti, Porto Príncipe, no cumprimento de mais uma missão humanitária. “Agora, com a Comenda Zilda Arns, o Senado Federal vai prestigiar cidadãos e cidadãs brasileiros que prestam serviços inestimáveis ao desenvolvimento das nossas futuras gerações”, complementou.

Médica pediatra e sanitarista , Zilda Arns morreu aos 75 anos durante um terremoto em Porto Príncipe no Haiti, onde estava em missão humanitária para introduzir a Pastoral da Criança no país.

Em decorrência de seu trabalho, Zilda Arns recebeu diversas menções especiais e títulos de cidadã honorária no país. Da mesma forma, à Pastoral da Criança foram concedidos inúmeros prêmios pelo trabalho que vem sendo desenvolvido desde a sua fundação. Em 2012 Zilda Arns foi eleita a 17° maior brasileira de todos os tempos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>